Carrinho

RECOMENDAÇÕES

ARMAZENAMENTO E GUARDA

 

Armazenar o respirador em local protegido contra agentes físicos e químicos tais como: vibração, choque, luz solar, calor, frio extremo, umidade em excesso ou agentes químicos agressivos.
Guarde até o prazo de validade, desde que na embalagem lacrada. Condições de armazenamento: Temperatura ambiente: -10 à +40 ºC; Umidade relativa: menor que 80%.

ESPECIFICAÇÕES

 

PFF: Peça Facial Filtrante, ou seja, o produto é também o meio filtrante responsável por não deixar os contaminantes do ambiente entrarem em contato com o sistema respiratório da pessoa que esteja utilizando o protetor.
Os respiradores denominados PFF normalmente são descartáveis, não possuindo nenhum tipo de manutenção. Sendo assim, após a utilização ou quando indicado pelo responsável em SST, o produto deve ser descartado.

Eficiência
PFF2 – Possuem eficiência mínima de 94% (Penetração máxima de 6%)

MODELOS

 

Os respiradores descartáveis são encontrados em diversos formatos, isto é, podem ser semifaciais dobráveis, conformadas (tipo concha), painéis ou outros.
O formato não influencia na eficiência da proteção respiratória, somente gera percepções de conforto de quem estiver utilizando de acordo com a geometria do rosto e frequência respiratória.
Os respiradores descartáveis podem possuir ou não válvula de exalação. A válvula de exalação serve para facilitar a retirada de ar quente de dentro do respirador proveniente da exalação.
Este item não influência no fator de proteção, somente no conforto do usuário principalmente quando estes respiradores são empregados para atividades que exijam grande esforço físico.
Importante: Respiradores PFF2 (S) quando utilizados em ambiente hospitalar, em procedimentos NÃO cirúrgicos e em casos que o contaminante é um agente patológico, não devem possuir válvula de exalação.

PFF2-S (sem válvula) tem CA 45314
PFF2V-S (com válvula) tem CA 45364

LIMITE DE TOLERÂNCIA (LT)

 

De acordo com a NR-15, item 15.1.5, o limite de tolerância é a concentração ou intensidade máxima ou mínima, relacionada com a natureza e o tempo de exposição ao agente, que não causará danos à saúde da pessoa que estiver utilizando o respirador descartável.

PFF2 (S)

 

O respirador PFF2 (S) é indicado para proteção das vias respiratórias contra poeiras e névoas não oleosas, que não emitam gases e/ou vapores; fumos metálicos  ou plásticos; sílica, fibras têxteis, cimento refinado; minério de ferro, minério de carvão, minério de alumínio, sabão em pó, talco, cal, soda cáustica, poeiras vegetais (como trigo, arroz, milho, bagaço de cana etc.); poeiras de aviário contendo restos de ração, fezes, plumas e penas de aves; poeiras de lixamento e esmerilhamento, névoas de ácido sulfúrico com óculos de proteção adequado), dentre outros.
Recomendada, ainda, para redução da exposição ocupacional a aerossóis contendo agentes biológicos potencialmente patogênicos.
Deve ser usada mediante o conhecimento e aprovação das áreas de higiene, segurança e medicina do trabalho e/ou responsável pela empresa.

Não utilizar: Para proteção contra amianto (asbesto), bem como, não é recomendada para uso hospitalar em procedimentos médicos ou odontológicos.

PFF2CO-S

 

O respirador PFF2CO-S é indicado para proteção das vias respiratórias contra poeiras e névoas não oleosas, que não emitam gases e/ou vapores; fumos metálicos ou plásticos; sílica, fibras têxteis, cimento refinado; minério de ferro, minério de carvão, minério de alumínio, sabão em pó, talco, cal, soda cáustica, poeiras vegetais (como trigo, arroz, milho, bagaço de cana etc.); poeiras de aviário contendo restos de ração, fezes, plumas e penas de aves; poeiras de lixamento e esmerilhamento, névoas de ácido sulfúrico (com óculos de proteção adequado), dentre outros. Indicada também para alívio de odores incômodos provenientes de certos vapores orgânicos em concentrações até o nível de ação (metade do limite de exposição ocupacional – LT ou TLV) destes contaminantes.
Recomendada, ainda, para redução da exposição ocupacional a aerossóis contendo agentes biológicos potencialmente patogênicos.
Deve ser usada mediante o conhecimento e aprovação das áreas de higiene, segurança e medicina do trabalho e/ou responsável pela empresa.

Não utilizar: Para proteção contra amianto (asbesto), bem como, não é recomendada para uso hospitalar em procedimentos médicos ou odontológicos.

LIMITAÇÕES DE USO GERAL

 

Não utilize para proteção contra gases e/ou vapores, pintura com aplicação por spray com tinta à base de solvente, jateamento de areia ou em atmosferas com
névoas oleosas. Em atmosferas com concentração (em volume) de oxigênio abaixo de 18%, em ambientes fechados e sem ventilação, tais como: câmaras, tanques, silos e tubulações ou onde a concentração de oxigênio pode ser menor que 19,5% em volume ou acima de 23%.
Em atmosferas explosivas. Quando a concentração do contaminante ultrapassar os valores IPVS (Imediatamente Perigosos à Vida e à Saúde).

INDISPENSÁVEL

 

O Programa de Proteção Respiratória (PPR) é lei e deve ser elaborado e colocado em prática, bem como, todos os seus registros devem ser mantidos atualizados para garantia e comprovação da efetiva proteção respiratória no ambiente de trabalho.

Fonte: www.fundacentro.gov.br